domingo, 13 de fevereiro de 2011

ILHA

A ilha é frondosa, bela
De flores matizadas únicas
O sol brilha por entre velas,
Ilumina o mar.

Flores tropicais
Vestidas de mil cores, mostrando beleza
O mar azul-turquesa canta esbelto e belo.

O calor assusta, deprime o caminhante...

Um caminho estreito e vago
Onde o verde predomina e brilha
E eu desço ao penedo
Onde o homem morto pesca,
Sem saber o que pesca.

Acerco-me dele, não fala,
Apenas olha em frente
E eu vejo solidão
Misturada na Ilha Bela.

Ele ignora minha presença
Num fundo negro ausente
De um silêncio horizontal presente.

O dançarino é o Mar
E o homem, o espectro da dor
Do céu, terra, flores
E de mim que sou humana.


Maria luísa

62 comentários:

La Gata Coqueta disse...

A través de la vista
visualizo tu nombre
en el idioma de los duendes...

A través del oído
siento como las notas van dejando
marcado cada encuentro...

A través del olfato
se recibe el aroma de hinojo
que bordea tu apartado de reposo.

A través de los sentidos
palpamos la vida
y gozamos del mundo

A través del horizonte
se percibe el paisaje,
que se abre y me atrae
para desearte
una semana radiante

María del Carmen

PD/Bienvenida de nuevo...
La ausencia trae el olvido, pero si se comparte no hay ausencia ni olvido...

Besos

Mgomes - Santa Cruz disse...

Maria: Lindo este poema a ilha que descreves como sendo ceu e terra de mim, na minha terra suave eu tenho plantado as minhas belas e eternas doces flores.
Beijos
Santa Cruz

Sonhadora disse...

Minha querida

Muito belo este poema...mas ao mesmo tempo saudoso...talvez da ilha que queriamos ser.

Beijinho com carinho
Sonhadora

Franck disse...

Na minha faz um dia nublado, com riscos de chuvas e trovoadas...e eu queria tanto um céu azul neste domingo!
Abçs*

Amor feito Poesia disse...

Tu enxergas o profundo, Eu insisto em ver a margem
Quando vês o coração, Eu vejo a imagem

Padre Fabio de Melo

Uma semana de Paz e alegrias! M@ria


OBS:Te espero aqui no meu novo espaço
http://mariabozoli.blogspot.com/

*************************************

Ingrid disse...

Linda Maria Luisa,
a vida nos leva em tantas "ilhas" que por vezes nos perdemos nas referências e direção..
mas esquecer-te jamais!..
todos os dias estava a espera de teus versos que tanto me encantam..
nada se perde na verdade, apenas um recomeço.. eu mudei de estado, cidade , deixei amigos .. e não volto mais ..mas minha fé me trouxe e sou feliz!
um grande beijo querida poetiza..

vidaslife disse...

Que belo poema, muito muito belo, natureza beleza mar céu homem.Sem palavras amo tudo isso. Beijinhos carinhosos no coração e uma linda semana para ti.

Anónimo disse...

Gostei do poema. É na realidade, muito bom!

Anónimo disse...

Belo quadro da Ilha e do homem morto que pesca sem saber o que pesca...

Gostei muito. Este, é um dos melhores poemas que escreveste.

Anthos

yasmim disse...

ainda bem que gostou (:
claro que sim, achei belíssimo. vou-lhe seguir (:

M. disse...

Talvez sejas poeta, dizes tu?

Talvez?

Gostava de ver as tuas certezas:)

Lina-solopoesie disse...

Maria Luisa . ( un nome italianissimo ) Sono felice di stare quì a leggere le tue poesie e davvero per me un grande piacere . Che dire trovo la tua poesia veramente bella .
E come ascoltare una musica soave e le parole abbracciano dolcemente l'anima trasportandola in delicate e intense emozioni .
e tracciono momenti pieni di sentimento e di speranza .
Ciao Maria Luisa a presto .
Un forte abbraccio Lina

Lina-solopoesie disse...

Maria Luisa. (Um nome muito italiano) Eu estou feliz de estar aqui para ler seus poemas e realmente me dá grande prazer. Eu digo que o seu poema muito bonito. E como ouvir música suave e as palavras baixinho abraçar a alma no transporte de emoções delicada e intensa.
e traçar momentos cheios de emoção e esperança.
Olá Maria Luisa em breve.
Um grande abraço Lina

José disse...

Olá Maria Luísa!

O mar é dançarino
dança com as gaivotas no cais
umas vezes mais devagarinho
outras vezes depressa demais.

Um beijinho,
José.

Maria Luisa Adães disse...

Lina-solopoesie

Estive em seu blogs. Agradeço sua vinda e reconheço a forma de encanto como diz.
Maria Luísa, é na realidade um nome italiano.

Obrigada,

Mª. Luísa

Maria Luisa Adães disse...

M.

Gostavas de ver minhas certezas escreve para mim e pergunta - eu
respondo!

Mª. Luísa

R.B.Côvo disse...

Gostei especialmente do final. Um abraço.

Anónimo disse...

Belo poema! Deixei de entrar no blogs com facilidade, por essa razão venho como anónima, o que me desagrada, mas enfim...mudanças constantes e ninguém diz nada.

Mas o teu poema me encantou!

MC

La Gata Coqueta disse...

Nos encontramos en el mes del amor y la amistad
un jardín donde descansan los pétalos de las rosas
mimados por las estrellas durante la noche,
y en el día custodiados por el arco iris del amor
en ellos encontrarás sonrisas y nunca lagrimas
son altivos pero a la vez sensibles
porque ellos más que nadie saben lo que es amar.

Que el sentimiento
de amor y amistad te acompañe
todos los días del año
sin derramar una lagrima
y si es derramada que sea de felicidad.

María del Carmen

PRUNO Terra Bruna disse...

hola María Luisa,
encantados de conocerte y deque hayas pasado por nuestra casa,
es maravilloso recibir una nueva amiga en día como el de hoy, del amor y la amistad,
estamos encantados de conocerte,
besos

PRUNO Terra Bruna disse...

a mi mami que se llama Rosamari, también le gusta mucho Salvador Dalí, su museo está en Figueres, Cataluña, España, y es donde nació mi mami también !

Lina-solopoesie disse...

MARIA LUISA ciaooo
Sono passata da te per un saliutino veloce ma col cuore , per augurarti una serana serata , e una notte di bei sogni .
Ti abbraccio con infinito affetto lina

São disse...

A ilha é um belo poema... eme trouxe à memória os fsacinantes Açores.

Bom regresso lhe desejo.

Daniel Costa disse...

Maria Luisa

Touxes a pasagem e a cor o tropicalismo, o próprio bucolimo, tudo isto parece nota deste belo poema que escreveste.

Lembro que era muito piedoso (ainda serei), na catequese era notado por estar sempre de mãos erguidas. Havia antecedentes na familia, dois tios-avõs como eclesiásticos, na revolução de 1910. expulsos do Covento de S. Bernardino. Diz-se que um era teoureiro, veio deixou a vixa momástica, casou a veio a ter fortuna. O outro faleceu num Convento da Palestina. Soube-se quando o parco espólio foi entregue a sua irmã, minha avó.
Histórias!...
Beijos

Pepi disse...

Olá,
Aqui é o Xixo
Sou amigo do Pruno
Obrigada pelo recadinho no nosso Blog
Bichinhos Amados
O suas poesias são lindas
Estamos te seguindo também
Tenha uma linda noite
Bichinhos Amados
Pepi e Xixo

Anónimo disse...

Minha amiga Maria Luísa,

Belo o teu poema! AMEI!!!
Senti-me envolvida pela paisagem e adorei a simbiose entre o homem e a natureza.

Beijos com carinho
Margarida

Brown Eyes disse...

Lindo, fez-me recordar a Ilha de Moçambique, que nunca mais esquecerei.
Beijinhos

Líricos Poemas disse...

Renda-se, como eu me rendi. Mergulhe no que você não conhece como eu mergulhei. Não se preocupe em entender, viver ultrapassa qualquer entendimento.

Clarice Lispector

Desejo um Bom dia e o meu carinho à voce!
Agradeço sua visita........M@ria

Everson Russo disse...

Ilha que alimenta os sonhos,,,paraiso de amor e paz...lindo poema,,,grande beijo de bom dia pra ti qeurida.

Maria Luisa Adães disse...

Pepi e Xixo, Pruno, La Gata Coqueta

bichinhos amados
encantos meus
os vou seguir,
pois vos amo muito.

Maria Luísa

Pepi disse...

Tia Maria Luisa,
Obrigada pela visitinha e tão carinhoso comentário
Eu e Pepi estamos te seguindo
Ronrons carinhosos
do
Xixo

Graça Pereira disse...

Querida Maria Luisa
Saudades do Brasil (já?)?
É interessante como a Poesia é tão universal e infinita...
Li os comentários e, cada um, encontrou no teu poema a "sua" Ilha!
Uns, metaforicamente, queriam ser a "ilha" que gostariam de ser...Outros, encontraram nela os Açores e, ainda outros, viram a Ilha de Moçambique!
O poema é belissimo e eu, julgo tratar-se ainda lembranças do Brasil.
Ti me dirás...
Beijo e boa semana.
Graça

MAQUIAGEM EH TUDO !!! disse...

meninaaaaa vc eh cheia de premios...amooo poesias...sou literaria..
ô minha charmosaaaaaaa, isso aki eh um charme de tão convidativo e acolhedor... importa em eu te seguir??/jah to seguindooooo. Conte com minha amizade nesse mundinho virtual eh q adorooo fazer novas amizades... amiga, gostaria de te pedirum favor, vc pode me seguir tbm e dar aquela força lah no blo..???
Bjks, vanessa Ramos
maquiagemehtudo.blogspot.com

Maria Luisa Adães disse...

Graça

A Ilha é tropical e fica no Brasil,
mas cada um se recordou dos lugares
onde gostou de estar e amou...

A poesia é isto mesmo! Cada um a sente como se fosse sua, mas só o poeta sabe das suas razões. ao escrever.

Mas transportar as pessoas a lugares que amaram e não esqueceram,
é como apresentar no palco uma vida
dedicada a todos. Fiquei feliz por
mim, por ti, por todos.

Beijos,

Maria luísa

MAQUIAGEM EH TUDO !!! disse...

ô minha amigaaaa, muito obrigada pelo teu carinhoooo Naum me perde de vista naum, hein... Obgd pela forcinha e da p ver q vc está com tudo em cima..super antenada, vide esse batom de cor linda q tens em teus lábios aí na foto.... jah sou sua seguidora e vc para mim eh uma presença ilustre. tens orkut, tiwitter ou afins??? naum kero te perder de vista...bjks, vanessa

Mona Lisa disse...

Olá Luísa

Belo poema tranbordando saudades...

Lendo-te viagei no tempo e senti saudades da "Ilha do Sol"(Luanda) onde em miúda fazia praia.

De saudades é feita a nossa vida.

Bjs.

PRUNO Terra Bruna disse...

precioso, te felicit Mª Luisa,
un beso

Maria Luisa Adães disse...

Pruno

Te escrevi neste momento a falar do
meu amor e carinho por ti.

Passa uma boa noite na tua casa de Saragossa - Espanha.

Mª. Luísa

jabeiteslp disse...

humana e bem vivente
assim sem fim

de gente que sente...

beijinhos Luisa
feliz semana~_~

Toninhobira disse...

Beleza de poema para falar da solidão que assalta o ser, mesmo em face de estar diante uma exuberante beleza.Ali perdido em seus pensamentos o que menos lhe importa é a presença do peixe no seu anzol, pois ele se encontra fisgado na paixão ou desilusão.Linda sua criação.Meu abraço.

Rafael Castellar das Neves disse...

Olá Maria Luiza!!

Estou apenas passando para avisar que indiquei seu blog para um selo de divulgação.
Passa lá no "Desce Mais Uma!".

Beijos..

Anónimo disse...

Li o seu poema várias vezes. De facto é profundo e tem escondidas muitas visões e sentimentos. Gostei particularmente do fim onde diz "O dançarino é o Mar
E o homem, o espectro da dor"... o mar com o seu balanço, com as suas ondas, dança, e nós, homens, observamo-lo, tentando que cure as nossas dores...
Bjns
Cuidandodemim

Pepi disse...

Tia Maria Luisa,
Viemos retribuir a sua visitinha
Amo ler os seus recadinhos
São muito doces
Esta sua poesia está linda
O "nosso mãe" ama o mar
Fique com Deus
Ronrons e Lambeijos de
Pepi e Xixo

José Vitor disse...

Estou determinado a não fazer mais comentários, mas não posso deixar de cumprimentar uma amiga em minha sala, seja bem vinda!...
Li as primeiras poesias, seria impossível dizer que não são lindas! Feitas com o coração de uma poetisa...

estarei sempre fazendo leitura

abraços

Lilá(s) disse...

Belo quadro feito poema!
Bjs

José Vitor disse...

Olá,
Andei mal humorado, tinha a intenção de parar, desculpe!
Continuarei seguindo e lendo poesias que gosto.
Senti nesta poesia um desejo afetivo misturado com a gostosa quietude da ilha. Pelo menos me sinto assim: A natureza... Linda!, contudo olhar ao redor e me ver só.

abraços

Lina-solopoesie disse...

MARIA LUISA CIAOOOO
come va? Ti porto i miei saluti e ti auguro un buon pomeriggio,
Un abbraccio e un bacio Lina

Carla Diacov disse...

me varreu, feito onda inesperada!
e qual onda não é inesperada!????


lindo...

beijos.

La Gata Coqueta disse...

Hoy es diferente no te voy a dejar un regalo, pero sí un saludo de fin de semana.

Porque tengo la dulce impresión de que estamos más unid@s, cuando entro en tu bitácora a visitarte dejándome envolver por los lazos de los sentimientos.

Mirando al cielo me quede
y una estrella fugaz encontré
ella quería decirme
lo que logré entender...

Los amigos no siempre se ven,
son ángeles que dan lo que tienen
aún recibiendo el desdén
como respuesta a su quehacer.

María del Carmen

Lina-solopoesie disse...

CIAOO MARIA .
Visto che non hai postato un nuovo post , per non essere ripetitiva sono passata per augurarti una felice sera ..
Ti abbraccio con infinito affetto la tua amica Italiana lina

Gladys disse...

Hola mi querida María un poema muy bello del mar y las flores bellisimo la imagen es muy bonita.
Besitos amiga que estés muy bien.

La Gata Coqueta disse...

Luisa muchas gracias por tus palabras dejadas en tu visita, eres un cielo como amiga y compañera.

TQ.

María del Carmen

PRUNO Terra Bruna disse...

hola Luisa,
un beso,
una gran sonrisa para ti,
gracias por tu visita y tu cariño de siempre,
que tengas un buen fin de semana

Nilson Barcelli disse...

Belíssimo poema (e inteligente na construção).
Gostei imenso, minha amiga querida.
Beijos.

luisa disse...

Venho retribuir a simpática visita e fico encantada com esta ilha. :)

Isa disse...

Maria Luísa,que bom estar de volta!
Ñ a deixei...Acredite.
A minha saúde tem-me pregado alguns sustos.
Aqui estou,com muita ternura a enviar-lhe um abraço Amigo.
Beijo.
isa.

beites disse...

ilha bonita

feliz fim de semana
beijinhos

pekenasutopias disse...

Ora vês!? É muito mais serena, a tua ILHA! Serena e muito bonita!
A minha Ilha parece estar grávida de trabalho, neste momento! :)) Está a descobrir rios e rios de coisas através da sua própria releitura e, embora cansada, sabe que terá de seguir em frente com este trabalho. Não são só coisas relacionadas comigo mesma, que eu estou a descobrir, Maria Luísa. Estou a descobrir coisas muito importantes que se podem aplicar a toda a poesia e a todas as línguas que eu conheço... está a ser muito curioso, este processo de aprendizagem, sabes? É cansativo mas não se esgota em si mesmo... se eu conseguir acabar isto, estarei bastante mais amadurecida, por essa altura.
Abraço grande!

OutrosEncantos disse...

... gosto deste som que mantens na tua página, gosto, é bom ficar aqui sentada a ouvi-lo...
assim, quieta, de olhar cego ao que me rodeia..., quieta... só a ouvir, depois de te ler.
esta tua "ilha" é realmente bela!

me desculpa deste silencio, Maria Luísa, é do inverno, tenho a certeza,é do inverno...
não te inquietes, não estou doente, pelo menos fisicamente (penso eu), doente das palavras talvez..., acho que também foram viajar e não há maneira de se decidirem a regressar...
hão-de voltar
e voltaremos aqui de mão dada para te dar beijo e abraço :))

Maria

Maria Luisa Adães disse...

Maria

Adorei encontrar-te!

Já há um tempo, não sabia de ti.

Espero que tudo passe e voltes com a tua presença sempre querida.

Com saudade,

Maria Luísa

GRAÇA disse...

Amiga espero que melhores rapidamente,pois simpatizei muito contigo ao te preocupares pela Kika
Vamos rezar e vais te por boa depressa
Turrinha da nova amiguinha Kika e muitos beijitos meus
Graça

PRUNO Terra Bruna disse...

Mª Luisa, amiga,
mi mami y yo también te adoramos,
y deseamos de todo corazón,
que te cuides,
y te recuperes pronto,
descansa, haz caso de los médicos,
nosotors esperamos tu regreso, y sobre todo tu recuperación,
recibe un abrazo muy fuerte, lleno de cariño de Rosamari,
cuídate mucho, por favor, te queremos mucho en nuestra, tu, casa