domingo, 1 de novembro de 2015

MISTÉRIO

Vesti-me de mistério                     
Imagem/ Maria Laís Fett/ Rio Grande do Sul


Com trajes de cerimónia
com trajes de outras eras
para prestígio e glória
Desse mistério

Eu não quero dar-lhe vida
fazer dele o Tudo,
Mas sim o Nada

Ajuda-me a despir estas vestes
Não minhas, mas dele
Como se fosse um ser etéreo
um ser de majestade
E dele recebesse 

A existência
O destino
A verdade

Mas ele não é a verdade...

É um ser camuflado
destruído, esquecido
e vestiu-me de mistério
chamou-me de mistério
e abandonou-me
Num local perdido

E olhei à minha volta
estarrecida
esquecida por todos
E por ti meu amor

E senti-me mistério!...



Maria Luísa Adães


Visualizações :  347

31 comentários:

Cidália Ferreira disse...

Poema maravilhoso, como sempre aqui leio. Parabéns

Bom Domingo, beijinhos

http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

Mar Arável disse...

Amores e desamores com palavras sentidas

Maria Luisa Adães disse...

Cidália Ferreira

Mar Arável


Agradeço a vossa presença e vossas palavras,


Maria Luísa


emanuel moura disse...

É sempre um prazer enorme ler os seus lindos momentos de poesia ,desejo-lhe uma linda semana ,muitos beijinhos no coração.

Toninho disse...

E penso eu que tudo é mistério poetisa.
Beleza de inspiração/construção.
Uma linda semana.
Carinhoso abraço de paz e luz.

Benó disse...

Toda a mulher é um mistério. Gostei.

Evanir disse...

Querida Maria Luisa.
A algum tempo não tenho noticias sua tenho
ficado triste e preocupada ao mesmo tempo.
A alguns anos já tinha noticias se estaria no final de ano aqui no Brasil,
mas tenho me mantido um pouco afastada do blog .
A tristeza por vezes fala mais alto que nos
isso nos deixa frágil .
Tenho orado muito por si espero que tudo esteja bem
não poderia querer nada além de saber da sua saúde minha amiga.
Seu poema encantou meu coração e ao mesmo tempo me alegro em saber que continua a escrever.
Um beijo carinhoso sua amiga pra sempre.
Evanir.

Maria Luisa Adães disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Elvira Carvalho disse...

O amor é sempre um mistério.
Um abraço

Vitor Chuva disse...

Olá, Maria Luisa!

Obrigado pela visita e simpáticas palavras.
É verdade que pausa não significa abandono, ainda que esta minha já vá bem comprida e sem data ou certeza de que um dia possa chegar ao fim - e de que por aqui nos voltemos um dia a encontrar. Se dum lado mora a saudade dos muitos bons momentos aqui passados, do outro vai faltando a vontade e disposição para retomar o fio à meada…

Mais uma vez obrigado pelo abraço amigo e votos de boa saúde, que com todo o gosto retribuo a dobrar.

Tudo de bom!
Vitor

Maria Luisa Adães disse...

Vitor

De qualquer forma
Gostei de o encontrar e saber que se encontra bem.

Um dia, também vou embora
e outros vão
e mais outros

E outros começam...

Talvez seja, a lei da vida!

Abraço grande e até sempre,

Mª. Luísa

Suzete Brainer disse...

Olá Maria Luisa,

O mistério que se expressa nas profundidades
das páginas da vida...

Tão bela a sua poesia, uma excelência
no delicado e inspirado das palavras poéticas.
Apreciei muito o seu espaço de arte!
Grata pela sua gentil visita e comentário
atencioso...
Abraço de paz.

heretico disse...

gostei muito do poema. pleno.
uma sensualidade vibrante revestida de belas palavras.

beijo

Fábio Murilo disse...

"O Maior mistério é ver mistério, ai de mim senhora natureza humana. Olhar as coisas como são quem dera e apreciar o simples que de tudo emana". Abraços.

Maria Luisa Adães disse...

Fábio Murilo

E até acredito no que diz :

apreciar o simples
e deixa de haver mistério!

Mas a natureza humana não aceita a simplicidade...

Então, o mistério continua
por detrás das cortinas...

Graças por suas palavras e sua presença!


Obrigada,

Mª. Luísa

Manuel disse...

Que lindo poema.
Fiquei encantado, levo no pensamento toda esta emoção e sentimentos.
Beijinho

Roselia Bezerra disse...

Olá, querida Maria Luisa
A vida é um mistério profundo e os poemas seus são oriundos deste pensar neles com esmero...
Bjm fraterno

Maria Luisa Adães disse...

Roselia Bezerra

Grata por suas palavras e sua presença!

Com ternura,

Maria Luísa

Evanir disse...

Querida Maria Luisa.
Cada vez mais próximo do Natal recordo com saudade
o Natal de 2013 mas nem sempre nossos sonhos acontece ,
e sim feito é sempre a vontade do nosso pai que esta no céu.
Um feliz e abençoado final de semana beijos.
Evanir.

Manuel disse...

Para voltar a ler e deixar um abraço.

Maria Luisa Adães disse...

Manuel,

Agradeço muito,
sua consideração por mim e amizade!

Maria Luísa

Aleatoriamente disse...

OLá Luisa, te ler é sempre um prazer.

Franziska disse...

Es la lucha del alma por encontrar su lugar, ese espacio perdido tras vivir el gran misterio de la vida que es entregarse al amor, ese amor que siempre termina huyendo y dejando un enorme vacío y añoranza. Hermosos trabajo.

Si te preguntas qué es de mi vida y por qué siempre llego tarde -ya no es como antes- no es porque me olvide de tí es porque apenas me llega el tiempo para atender a otras obligaciones y compromisos -me pasa siempre cuando finaliza el verano- entonces mis visitas son más espaciadas y mis publicaciones siguen un ritmo muy lento, todo es por falta de tiempo. Sabes que yo no me olvido de nuestra amistad. Un abrazo. Franziska

Maria Luisa Adães disse...

Francisca

Apenas queria saber de tua saúde,
mas já escrevi no teu blog

Graças por tudo caminhar e todos se encontrarem bem!

Beijos,

Maria luísa

Beites disse...

A beleza do Coração
é uma Senhora como tu...

Ó Bonita
gostei das novas
sei que vais andando como eu...Tamos velhotes~_*´´´´´


Um xoxo enorme nos desejos de que tudo vá bem
Élevaré dos Tokuskopus pra ti

Maria Luisa Adães disse...

Brilhante tua presença

Saudade do tempo que passou
e não voltou

E sabemos
que não volta mais!...

Agradeço a lembrança,

Mª. Luísa

Manuel disse...

Agradecer as suas lindas palavras e desejar um BOM FIM DE SEMANA.

Maria Luisa Adães disse...

Obrigada amigo!

Mª. Luísa

Patrícia Pinna disse...

Boa noite, Luisa
Um poema lindo, belos versos!
O mistério pode-se anunciar onde menos esperamos, mas fortalecer-se nas relações amorosas, por exemplo, onde muitas vezes é um mistério profundo o sentimento alheio.
Se tudo fosse bem claro, não sofreríamos tanto de angústias provocadas.
Tenha uma semana de paz!
Beijos na alma.

http://divasdapoesianaturalmente.blogspot.com.br/2015/11/trairas-mim-tambem-by-patricia-pinna_21.html

http://redescobrindoaalma.blogspot.com.br/

Evanir disse...

Boa Noite Amiga.
Sei que tenho estado ausente do blog mas em momento algum esqueço
de você muito menos em minha orações.
Para mim nossa união será para sempre
embora infelizmente não nos encontramos mais.
O importante foi o dia que conheci vc seu esposo filho e neta.
Esse momento eternizou em meu coração
mesmo que tenha sido o único das nossas vidas.
Vou guardar para sempre no meu coração
sua doce amizade.
Quem sabe um dia ainda não nos sentaremos a mesa
num almoço simples mas o melhor da minha vida.
Deus lhe abençoe com saúde a sua família também.
Beijos ate sempre.
Evanir.

Maria Rodrigues disse...

Seria uma dor imensurável o nos sentirmos esquecidos por quem amávamos.
Profundo, misterioso e belo.
Beijinhos
Maria