terça-feira, 15 de setembro de 2015

DAVID/ Firenze

David/ Michelangelo / Firenze
/


Quando te vi
Não acreditei em ti

E deixei minha sede
E meu fulgor de amar

Adormeci
não sonhei
e acordei sem sonhos
A contar...

De novo olhei para ti
E te reconheci

E te amei
Com o fulgor de Amar!


Maria Luísa Adães


Visualizações :  102


15 comentários:

Ana Bailune disse...

Lindo poema!
Às vezes, é preciso olhar de novo!

✿ chica disse...

Beleza, Maria Luiza!Adorei! bjs, chica

Cidália Ferreira disse...

Maravilhoso


Beijo e um dia feliz
http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

emanuel moura disse...

Tudo é belo quando se olha com clareza ,muito lindo ,beijinhos muitas felicidades

Mari-Pi-R disse...

Yo también me enamoré del David de Miguel Ángel.
Un abrazo.

Manuel disse...

Adorei, aliás, adoro sempre os seus poemas.
Este tem um encanto especial, talvez pela nostalgia ou quem sabe, por reavivar memorias passadas.
Lindo!

luís rodrigues coelho Coelho disse...

Olhar e voltar tempos infinitivos do verbo amar
Quando se olha e se volta a olhar
Existe magia e arte de amar.

Mariangela do Lago Vieira disse...

Olhar quantas vezes preciso for.
Lindo!
Um grande abraço!
Mariangela

Elvira Carvalho disse...

Olhar, também pode ser uma forma de amar.
Um abraço

Fábio Murilo disse...

Belíssimo! Lembrei de uma música interpretada por Maria Bethânia: "Ou feia ou bonita ninguém acredita na vida real". Abraços!

heretico disse...

vê melhor quem melhor repara...

gostei muito.

beijo

Franziska disse...

Amar la belleza pero también la vida de un ser humano que fue tan intensa y que tanto ha influido en nuestra cultura, los salmos de David y su lucha con Goliat al que venció por no tenerle miedo. Es un personaje que enamora y su escultura es la obra de un genio.
No me extraña, pues, tu admiración, la comparto.

Un abrazo muy fuerte. Franziska

Costantino disse...

Sono versi molto belli, degno accompagnamento di una stupenda opera d'arte.

Jaime Portela disse...

O amor nem sempre nos toca à primeira...
Belíssimo poema, minha amiga, gostei imenso.
Maria Luísa, tenha uma boa semana.
Um abraço.

Arte & Emoções disse...

Olá Maria Luiza! passando para me deliciar com a leitura de mais uma das tuas criações, assim como te convidar para saborear um pedacinho de bolo, pois tem um veim completando época. Passa lá. Rsrs.

Abraços,

Furtado.